segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Poesia ou Azia? Saudade ou Cortesia?



Por Cynthia Marsola

Saudade de um tempo que não volta, saudade de palavras ditas e perdidas, saudade de momentos...entendo!! Compreendo, mas não aceito, respeito sem peito...é um peito esmagado, amassado...Ah, passado!

Tão longe e tão perto ao mesmo tempo. Que tempo é esse?

Lento? Rápido?

Não sei. Algo transborda, entorta, corta e remonta ao monte de outrora, que droga!!

Carambola? Não!

Controlo a vitrola, que enrola e rola de novo modo, mas que modo?

As sensações de outrora, carola! Não, é só um corola que transporta um tempo e transborda uma borda que não passa, ressaca, perpassa, carcaça Aqui e Agora. Então? Ancoro e desenrolo não enrolo mais, A.T.O.L.O o que apenas foi penas, tretas, porpetas, antenas...Entenda? E monte outra tenda.

A.P.R.E.N.D.A
Não se arrependa,
Suspenda e prenda
Surpresas são sempre perfeitas e bem feitas!


(Inspirado em 16/08/2015 às 23:13 hs).